Em 18/10/2020 às 01h02

Galeria atualizada

Sada Cruzeiro conquista o 11º título Mineiro

Sábado de emoções na Arena Minas. Após a vitória do Azulim/Gabarito/Uberlândia sobre o Montes Claros América Vôlei por 3 sets a 2, na disputa do terceiro lugar, o Sada Cruzeiro vence o Minas TC por 3 sets a 1, em 25/21, 25/17, 23/25 e 25/23, e torna-se campeão mineiro de 2020.

Concluída mais uma competição de alto nível. A 11ª final consecutiva entre Minas TC e Sada Cruzeiro, além de ser tradição, contou com uma dose de rivalidade na quantidade de títulos, desde a volta da competição em 1998, com cada equipe contendo 10 troféus dourados.

Ambas as equipes queriam mostrar serviço, assim como os jogadores procuram se firmar no grupo. O Sada Cruzeiro apostou no saque e ataques fortes, visto o bom passe minastenista e a qualidade do levantador William. A tática deu certo e o Minas não conseguiu administrar o placar que só foi favorável no terceiro set.

O Nery Tambeiro reconheceu a força do saque cruzeirense, mas está bastante otimista com o potencial da equipe para o resto da temporada.

"O Sada Cruzeiro veio de uma maneira muito forte no saque, quebrando nossa estrutura de passe. Mas fizemos o melhor que podíamos dentro de quadra. Tivemos a estreia de dois jogadores que estavam se recuperando de lesões. Mas, independentemente disso, acho que temos um grupo forte, que vai lutar pelas primeiras posições. Mérito do Sada Cruzeiro, que jogou bem e não deixou a gente se impor na partida. Agora, vamos trabalhar, porque temos mais campeonatos pela frente" analisou o técnico do Minas

O comandante do Sada Cruzeiro, Marcelo Mendez, vê melhorias na equipe da semifinal até a final, mas espera ainda mais do time.

"Começamos jogando muito melhor hoje. Ainda falta muito, mas o que fizemos aqui é voleibol. Jogamos muito melhor no saque, no ataque, ainda precisamos ser mais constantes. Mas final é final, e final é ganhar, isso que importa" disse o treinador argentino.

Dois nomes tiveram destaques na partida. De um lado o recém chegado da equipe cruzeirense, Lopez. O ponteiro sacou forte e bem, além de o ser mais efetivo no ataque marcando 22 pontos no jogo. O atleta foi o diferencial na partida, principalmente no segundo set que terminou em 25/17 para o Sada. Do outro o jovem ponteiro, porém veterano no Minas, Henrique Honorato. Experiente contra o Sada, Henrique encontrou espaços no forte bloqueio cruzeirense dos centrais Otávio e Isac, marcando 18 pontos de ataque e sendo fundamental na vitória do terceiro set de 25/23.  

 

08.10

19h - Minas TC 3 x 1 Montes Claros América Vôlei (25/16, 25/18, 22/25 e 25/22)

21h - Azulim/Gabarito/Uberlândia 0 x 3 Sada Cruzeiro (21/25, 24/26 e 22/25)

09.10

18h - Minas TC 3 x 1 Azulim/Gabarito/Uberlândia (25/20, 25/21, 22/25 e 25/16

20h - Sada Cruzeiro 3 x 0 Montes Claros América Vôlei (25/21, 25/22, 25/17)

10.10

15h - Montes Claros América Vôlei 3 x 1 Azulim/Gabarito/Uberlândia (28/26, 25/22, 22/25 e 25/23)

11.10

11h - Minas TC 2 x 3 Sada Cruzeiro (15/25, 25/23, 15/25, 28/26 e 09/15)

Semifinal

16.10

18h - Sada Cruzeiro 3 x 2 Azul/Gabarito/Uberlândia (21/25, 25/21, 25/27, 25/22 e 16/14)

20h - Minas TC 3 x 0 Montes Claros América Vôlei (25/18, 25/23 e 25/17)

Final

17.10

3º lugar - 17h - Montes Claros América Vôlei 2 x 3 Azulim/Gabarito/Uberlândia (25/19, 22/25, 20/25, 25/22 e 14/16)

1º lugar - 19h - Sada Cruzeiro 3 x 1 Minas TC (25/21, 25/17, 23/25 e 25/23)